Mostrando postagens com marcador Política. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Política. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 27 de maio de 2016

POLÍTICA E O DESEJO DE PODER




POLÍTICA
Não tem como levar isso a sério!!!

A bagaça anda tão phod@ que estou apelando para o BBB que não vejo há muito tempo e para a série Game of Thrones.
.
Você acompanha a série GOT? Game of Thrones?
Sem fazer spoiler, a série demonstra a natureza humana como ela é, nua e crua. Todos querem apenas uma coisa: dominar. Pouco importa o outro...
Nossa política demonstra esse Game Of Thrones tupiniquim... não há inocentes. O homem vive para dominar. Busca isso em todas as suas relações. Até no campo religioso o interesse último é o domínio do outro. Não é diferente nem mesmo na questão do sentimento e nas relações afetivas.
.
Essa turma acima (veja notícia em que o UOL aponta que o MBL - Movimento Brasil Livre recebeu apoio logístico e financeiro de partidos políticos que apoiavam o impedimento), como os demais movimentos, buscam o mesmo caminho. Como faz o Vem pra Rua, a Une, o MST, a CUT, etc. Bondade? Altruísmo? Senso cívico e de cidadania? Porr@ Nenhuma... Desejo de poder, de se manterem no poder ou de chegar ao poder. Buscam a mamata. E esse espaço eles usam sem escrúpulos porque a maioria de nós se exclui da ação política. Cumprimos apenas o voto e isso porque somos obrigados. Essa letargia e apatia política abre a oportunidade para o Kim e Lindberg da vida.
.
Uma questão me preocupa. A coisa está tão medonha que corremos o risco de não enxergar o lado bom nos poucos bem intencionados. Generalizamos e alinhamos a todos pelo lado ruim como se todos fossem como a maioria.
.
É continuar esse debate, de modo sério, contínuo, ouvindo todas as frentes e construindo, melhor, reconstruindo o que essa gente tornou nosso país: um saco de gato pardo (será que esse comentário é politicamente correto?). E desse resto, após cada eliminação que seguirá, ver o que ou quem vai sobreviver...
.
"Se pudesse escolher
Entre o bem e o mal
Ser ou não ser?
Se querer é poder
Tem que ir até o final
Se quiser vencer".

.
BLOG
RASCUNHO1966
www.rascunho1966.blogspot.com.br
VISITE - CURTA - COMENTE - COMPARTILHE

.
GRUPO PÚBLICO
CRÔNICAS NORDESTINAS
https://www.facebook.com/groups/cronicasnordestinas/
VISITE - CURTA - COMENTE - COMPARTILHE

segunda-feira, 16 de maio de 2016

POLÍTICA - PENSE NISSO






POLÍTICA - PENSE NISSO


O QUE VOCÊ COMENTA, O QUE VOCÊ PUBLICA, É O QUE VOCÊ É.


Não basta dizer "eu não gosto de política". Nem assim ela se afasta de você. Você é a política. A política está em você.

Não basta dizer "eu sou contra isso e aquilo". É necessário dizer mais e melhor sobre o que te interessa como cidadão, cuja responsabilidade não se esvai logo após o voto, e ficar torcendo para que os outros desempenhem bem suas funções para que você após quatro anos retorne às urnas e confirme mais um voto de continuidade ou mudança.

É preciso urgentemente se engajar na vida política do país! E o que você diz em seu mural reflete quem você é!

É preciso ser mais que esquerda ou direita! Mais que coxinha ou mortadela!

Pense nisso!


BLOG
RASCUNHO1966
www.rascunho1966.blogspot.com.br
VISITE - CURTA - COMENTE - COMPARTILHE


GRUPO PÚBLICO
CRÔNICAS NORDESTINAS
https://www.facebook.com/groups/cronicasnordestinas/
VISITE - CURTA - COMENTE - COMPARTILHE

quarta-feira, 11 de maio de 2016

PT NUNCA MAIS


PT NUNCA MAIS!


Confesso um desejo de vingança, ainda que essa palavra não seja a mais adequada. Desde o mensalão que o engano que cometi ao votar e fazer campanha para essa corja canalha não sai do pensamento: é preciso derrubar essa quadrilha que se apropria da riqueza de um país para se manter no poder e dar as migalhas a um povo que historicamente é sofrido. Pior que essa migalha é vista como mérito de um grupo que é corrupto em sua origem...

Aprecio as sessões da Câmara e do Senado e vejo com prazer pessoal que a turminha volta ao protagonismo que jamais deveriam ter perdido: de ser apenas oposição barulhenta, que só sabe pedir questões de ordem, de apelar aos meandros das leis recorrendo aos parágrafos e incisos que nada dizem a não ser para eles mesmos e às suas interpretações unilaterais, sempre estúpidas por natureza. Aliás a essa turma cabe bem essa adjetivo: políticos estúpidos!

Eu que agora sou da elite branca reacionária posso me dar a esse luxo: dizer e propagar que quero ver varrida a nossa política dessa gente lixo, que pratica uma política lixo, para tantos que se satisfazem apenas com as sobras de suas ganâncias!

Então agora estou em tempo, uma vez que os anos que me restam de vida útil já se mostram exíguos, ajudando a corrigir o meu erro quando por essa bandeira ajudei a por no governo esse bando de incompetentes, ladrões, corruptos, e quando menos se apresentam são investigados com toda a sorte de delações batendo às suas portas. Logo criminosos condenados e presos, é só uma questão de tempo.

Esses, antes arautos da moralidade, por meu voto jamais sairão vencedores nos sufrágios eleitorais no porvir. Voltarão às ruas, repetindo os velhos discursos e táticas de guerrilhas sem jamais cumprirem mandatos de nenhuma natureza, uma vez que nem nos sindicatos essa gente é mais tolerada.

Errei porém estou ajudando corrigir esse fatídico erro! Morrerei sem essa culpa na consciência. Permanecerei observando todo esse novo cenário e jogo político, cobrando, indo às ruas, manifestando minha humilde opinião, exigindo a melhoria das condições para nós da camada mais pobre da sociedade e a garantia dos direitos mais fundamentais como: saúde, educação, segurança, liberdade de expressão, estado laico, manutenção dos direitos trabalhistas, etc.

Pt nunca mais!


domingo, 17 de abril de 2016

O PALHAÇO SOU EU



O PALHAÇO SOU EU!

Um telespectador do circo dos horrores.

É assim que uma prima querida me chama: "meu palhaço lindo"! O palhaço é dela, o lindo é força de expressão da jovem senhora e corre somente por sua conta; eu não me envolvo nessa...


Na última eleição eu não votei. Estava trabalhando em outro estado e as condições no dia não permitiram. Precisamente no segundo turno. Pela primeira vez fiquei com uma pendência eleitoral. Semana passada paguei as custas devidas referente ao pleito que não compareci e não justifiquei. Uma burocracia insuportável!

Palhaço e eleição? O que uma coisa tem com a outra?

Vendo em ação a Câmara dos Deputados Federais, que em sua maioria votaram a pouco pela admissão do processo de impedimento da Presidente encaminhando para julgamento pelo Senado Federal, tenho a impressão de ter ficado frente ao CIRCO DOS HORRORES!

Não comento sobre a escolha do SIM ou NÃO. Uma zona cujo resultado, se bem avaliado, não trouxe vencedores. Só o Brasil perdeu!!! Comento aqui pela postura dessa gente. Saber que são esses senhores que nós escolhemos para legislar em favor do Brasil e sua população fico com a impressão que, se ali há um circo, não há ali porém um palhaço.

O palhaço sou eu!

VERGONHA! VERGONHA! VERGONHA!






Palanque dos justos, puros e honestos!
Palanques dos ilustres exemplos!
Palanque de recados pessoais!
Palanque religioso em um estado laico!
Palanque de mútuo achincalhe!
Palanque de cusparada!
Palanque de ofensas!
Palanque de demagogias!
Palanque das ameaças!

Nesse circo de trabalho parlamentar inédito em pleno domingo, eu vi de tudo. Tinha de tudo lá, mas o palhaço esteve aqui. Hoje e ainda por muito mais tempo...

Obs.:
Deixo claro a minha posição quanto ao impedimento: FAVORÁVEL.

Porém esses atores todos não honram os milhões de brasileiros sérios, honestos, bem intencionados, trabalhadores, justos, homens e mulheres de bem.

No final, sou brasileiro com muita vergonha... pois continuo palhaço!!!


OZEAS CB RAMOS




sexta-feira, 15 de abril de 2016

DIVAGAÇÃO ENDEREÇADA A UM AMIGO



DIVAGAÇÃO ENDEREÇADA A UM AMIGO



Meus respeitos mestre.

Meu amigo expressou UTOPIA. Seu desejo, votar em gente sem o vício corrompido da política partidária atual.
Minha utopia diria mais simplória, seria que, após o impedimento da senhora presidente, e por sequência sucessória natural assumisse o nobre vice presidente.
Nada disso satisfaz meu desejo e compreensão do roteiro ideal. Mas esse DESgoverno perdeu o rumo. Precisa acabar e urgente.
Aí, o homem já em sua rota final de colisão com a própria existência (pela idade que tem), recaindo sobre si o mais alto e puro amor cívico, ainda no ato de posse, tão logo assinasse o termo que lhe conferiria o comando da nação, faria o seguinte em seu discurso célebre de poucas palavras iniciais:
Brasileiras e brasileiros
EU RENUNCIO!


Novas eleições seriam marcadas e teríamos uma nova chance de remontar a nossa cambaleante democracia. Sem os elementos dos últimos trinta anos. Nada de saídos do atual governo, ex recentes, nem a velha representação da oposição mambembe. Tudo novo!

Do prefeito ao vereador
Do governador ao deputado estadual
Do presidente, senador e deputado federal.
Tudo gente nova... Ainda que fossemos sofrer um tempo por essa gente menos tarimbada.

Porque amigo, você tem razão. (Essas palavras são minhas):
Com essa corja (leia safra) nós tamo é lascado. É cada um, a seu modo, pior que o outro.

Cuidariamos de fazer uma reforma política. Isso é urgente.
Depois alinhar uma melhoria em nossos códigos e leis. Viria uma rigorosa reforma no judiciário. Pente fino em tudo.
Tratar das reformas da previdência, da área fiscal e administrativa, e seguir arrumando a casa.
Da reforma política diminuição urgente do número de partidos. Redução do número de cadeiras nas casas legislativas e acabaríamos de um só golpe com o nefasto instrumento da reeleição.
Enxugar o estado e modernizá-lo. O diabo da burocracia tem que diminuir.

Educação como item primordial e eleger com referendos as demais prioridades.

Livrar das casas legisativas o uso abusivo do poder das bancadas da bala, da terra, evangélica, etc.

Em um outro patamar mudar o sistema politico. Semi presidencialismo ou parlamentarismo. Acabar com esse jogo de sedução com o congresso. O toma lá dá cá.

Vou utopiando... e tenho que parar! Esse filme não teria patrocínio para ser levado a cabo, e se fosse um sonho, por certo eu acordaria ainda nas primeiras partes...

A utopia é o lado ingênuo dos bons.


Com respeito,

Ozeas CB Ramos

sexta-feira, 4 de março de 2016

BRASIL - TERRA ADORADA





"Terra adorada,
Entre outras mil,
És tu, Brasil,
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil,
Pátria amada,
Brasil".

Para quem participou de quatro eleições até a vitória, viu seus anseios irem para o lixo, desde os primeiros boatos do mensalão espera por esse dia histórico.

Genoíno, João Paulo, José Dirceu, e tantos outros, "mereciam" viver esse grande dia! Não eram casos isolados...

E eu, PT desgraçado, quadrilha daninha, canalhas do discurso decorado e vazio, recupero a fé na seriedade de homens que não se vendem, não se permitem locupletar em detrimento dos outros.

Outros virão... Outros cairão! E que essa Justiça alcance a quem quer que seja, de qual partidos forem.

Meu país nasceu! Renasceu caso queiram.

Minha pátria terá orgulho de si mesma!

O povo brasileiro terá orgulho de si! Povo que luta contra as marés de especulações internacionais, de desventuras da natureza às vezes hostil, e que tem que ser bravo para sobreviver contra os desmandos dessa gente inescrupulosa e sem-vergonha!!!

É ISSO AÍ BRASIL.

Essa limpeza não pode parar! A verdadeira luta virá agora... Tempos ainda mais difíceis virão, mas valerá à pena "renascer das cinzas".

"Verás que um filho teu não foge à luta...



OZEAS CB RAMOS

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

ENTREVISTA - Sociedade brasileira: violência e autoritarismo por todos os lados - Revista Cult

Sociedade brasileira: violência e autoritarismo por todos os lados - Revista Cult: A filósofa Marilena Chaui analisa a situação política e econômica brasileira e comenta a ocupação das escolas paulistas.


Foto da matéria. Por Bob Souza


Entrevista que demonstra como uma pessoa de boa índole, séria, inteligente, vai da expectativa gerada pelo idealismo socialista vivido anos atrás à sandice de um discurso vazio, microcefálico, grotesco. Discurso que só não é ingênuo dadas as características citadas e reconhecidas acima.

O país destruído em tudo! e esses pseudo-intelectuais de esquerda seguem com o mesmo blá blá blá (hoje em dia se diz mimimi).

Vejamos o que dizem:


  • A situação é mundial;
  • a direita é fascista;
  • toda a luta é neoliberal;
  • a classe burguesa quer destruir conquistas dos mais pobres e da atual classe média;
  • a mídia reforça a tentativa de golpe;
  • e se esse "golpe" vier a cabo haverá uma convulsão social sem precedentes...


Essa gente sofre também de visão distorcida da realidade. Enxergam o mundo como se ainda o projeto comandando pelo partido no poder ainda estivesse no campo ideológico. Como se o aparelhamento do Estado e de suas instituições ainda não existisse de fato e a corrupção não houvesse ganhado forma e proporção nesses últimos 13/14 anos. E, finalmente, como se a práxis da Teologia da Libertação fosse a única maneira de resolver os anseios dos cristãos e pobres dessa terra e a luta entre as classes fosse o problema a ser resolvido... Para eles o mundo ainda é belo e será mais ainda com os postulados socialistas, de esquerda, etc, etc, etc. O mundo ruiu (ao menos o nosso) e alguns não conseguem ainda perceber.

Nossa sociedade vive uma efervescência sem precedentes. Uma revolução geral e irrestrita, onde todos os valores são questionados - todos simultaneamente. O momento atual é tão espectral e difuso que não será com esse pensamento unilateral, de discurso político pré concebido que o país encontrará seu rumo e identidade.

Sim! Nosso país necessita reescrever a sua identidade enquanto nação. O período militar, a conquista da democracia, as conquistas sociais iniciais, o fundo do poço atual, geraram uma crise de identidade. E isso é um dos itens que haveremos de escrever (criar) para as novas e futuras gerações. Um novo Brasil. Esse vivido e experimentado até aqui morreu, servindo apenas como ponto de partida e aprendizado. E essa gente toda, esses atores todos que estão no poder e dele se locupletam forem extirpados da vida política.

Por hora, somos o que sempre fomos: O país do futuro. Mas qual futuro? Não esse implementado por essa geração representada pela digníssima entrevistada.


OZEAS CB RAMOS

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

OPERAÇÃO ACARAJÉ - CULTURA E POLÍTICA






ACARAJÉ

A de hoje vai mesmo sem pimenta. (POLÍTICA E CULTURA)


Outro dia a notícia que relacionava a nossa mais querida iguaria (Do estado da Bahia) - a ACARAJÉ, vinha da prefeitura. Regras que regulamentariam a comercialização dava conta que todos os comerciantes deveriam usar roupas típicas. Um caos em preocupações para os ambulantes que não seguiam a matriz religiosa ancestral...

Depois nova regulamentação exigia que a salada típica de tomates e cheiro verde não fosse mais oferecida ao comprador por trazer sérios riscos à saúde.

Uma interessante descoberta em Dias Dávila-BA que depois espalhou: a acarajé vendida a um real sem camarão e a dois reais com o crustáceo. Troço bem feito e tão barato! Acompanhada por uma cerva litrão estupidamente gelada... Pense?!!!

Nessa segunda-feira a baiana ferveu o azeite bem cedo e nem colocou cebola no tacho. Nova fase da Operação Lava Jato (que eu bem queria que fosse Lava a Jato) deflagrada pelo competente MORO nominada de ACARAJÉ varre imóveis de gente da granfina estirpe na soteropolitana cidade.

Buscam os policiais da PF provas de como a empáfia de um senhor alinha-se com milhões de reais que recebera por campanhas políticas. In dubio pro reo...

Aqui vai uma reclamação (respeitosa):

Poderiam nominar outro quitute baiano. O bolinho de tapioca é conhecido em nossa terra como PUNHETA. Assim a operação chamaria:

OPERAÇÃO PUNHETA.


Considero nosso acarajé sagrado demais para estar envolto numa operação contra a corrupção. A punheta baiana usaria de seu duplo sentido e viria a calhar...

E viva nossa terra!
Vivas ao Estado da Bahia!
Vivas ao acarajé...
E vivas à punheta!!!

Deu até vontade de comer um acarajé com salada, camarão, caruru, pimenta, vatapá ..................................... (uns!).


Acompanhe:
GAL COSTA & CAETANO - NO TABULEIRO DA BAIANA
https://youtu.be/a4aSP3TBz5I



Com todo sarcasmo e ironia,

OZEAS CB RAMOS

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

2016 O FUMO VAI ENTRAR

Fumo de corda ou fumo de rolo.

Olho os jornais diariamente e ao ler palavras de um dos meninos de recado do atual DESgoverno lembrei de uma música:



"Fumo de rolo, arreio de cangaia,
Eu vim pra vender, quem quer comprar?"
FUMO DE MANGAIO - Interpretada pela saudosa Clara Nunes


O DESgoverno andou. Se mexeu! E o que fez? Mudança de ministro. A velha lenga-lenga de sempre. Esse agora, será mais alinhado com o mercado e com as diretrizes do Planalto. Pronto! Seus problemas acabaram. Acabaram? Faz-me rir...

Nem bem a cadeira foi aquecida e o novo menino de recados de Lula, opa!, quis dizer de Dilma, o Wagner (O Cardoso anda quieto!!! será que ele tem?!!) já vem a público soltar as velhas ladainhas de boa prosa. Esse sabe enrolar mais que os anteriores...

A manchete de um jornal (22/12/2015) é: "O governo acena com reforma trabalhista e previdenciária". E completa: "proposta deve incluir simplificação tributária". Tudo para 2016. Eles agora resolverão todos os problemas... e de uma vez... (Nada sobre ser ano eleitoral!).

Traduzindo para os militantes cegos: O peão trabalhador vai bancar a conta! Mas esse poderá perguntar se não foi sempre assim?... De certo terei que concordar e completar: Mas nunca antes na história desse país vai se pagar tão caro pelos desmandos de uma gestão tão incompetente (além é claro de corrupta).

A imagem acima, para os mais novos e que talvez não conheçam, é de fumo de corda (ou fumo de rolo). Essa imagem é para avisar de antemão que o fumo vai entrar. Enquanto você militante cego (já havia dito antes) e insensível não aprender, não reconhecer, nós todos (nós contrários a esse desgoverno e vocês flanelinhas da bandeira vermelha) iremos tomar no centro corrugado central...

E não virá só o fumo. Eles ainda ensaiarão manter o "arreio de cangaia". Embora esse já esteja bem apertado nos militantes... Mas se para eles é de gosto e, o que é de gosto é regalo da vida (dito popular).


Cangaia ou cangalha. 


Até que as coisas (em termos políticos) andem o que só ocorrerá mesmo após todos os demorados recessos de fim de natal, de fim de ano, de férias e de carnaval (Ufa!!! cansei de nomear tanta folga) eles soltarão para todo lado e a toda mídia as várias ideias mirabolantes e estapafúrdias. Vão sentindo a reação da população esculachada, vilipendiada, humilhada e cansada de ser usada... Ao reclamarmos de uma ou outra ("vida de gado, povo marcado") eles ganham força para soltar as demais para cima de todo cidadão. Os chamados balões de ensaios... O que cair, caiu...

Quase me esqueci que teremos CPMF de volta. Duvida que eles vão enfiar mais essa?

Pqp... Feliz 2016 Brasil!



OZEAS CB RAMOS
www.rascunho1966.blogspot.com.br
www.facebook.com/rascunho1966

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

OPOSIÇÃO CHUCHU



OPOSIÇÃO CHUCHU


Sabe o que é pior que um governo que não governa? Pior que um Congresso Nacional descomprometido com a nação? Pior que corruptos e corruptores? Pior que instâncias superiores da justiça voltadas para o clientelismo, corporativismo e atendimento do "interesse" do Estado?
Pois eu te digo: Uma oposição chuchu!
Ou seja, TAMO LASCADO...


A voz das ruas não encontra eco. No governo que trabalha apenas para se manter no poder. Nas altas cortes pelo mesmo motivo; uma elite desassociada com os interesses da nação. Esses têm vida própria. Em um CN tão envolvido com a lama geral que não consegue parar para ouvir a ninguém além de seus pares. E por fim uma oposição surda, muda e burra!

Para mim são todos de um mesmo balaio...

Vivemos o pior período em termos de representatividade política dos últimos 40 anos... A coisa só faz piorar. Com a democracia estamos a cada eleição escolhendo a escória política. Elegendo o que há de pior na sociedade...

2016 vem aí... ACORDA BRASIL!!!


OZEAS CB RAMOS
www.rascunho1966.blogspot.com.br

domingo, 20 de dezembro de 2015

REMÉDIO AMARGO - Feliz ano velho!


REMÉDIO AMARGO - Feliz ano velho!


Se da briga partidária veio a afirmação que 2014 não havia terminado quando uma parcela da população brasileira não aguentou o atual DESgoverno, a falta de governança e os repetidos atos de corrupção, e pediu aos quatro cantos o impedimento da presidenta, será correto afirmar que a turbulenta crise (econômica e ético/moral) vai fazer com que 2015 adentre pelo ano novo.

Recessos dos poderes que andaram se estranhando, investigados, presos, acusados, e desconfianças de todo lado... e muita gente com o "rabo preso" e com o "cW na reta", e ainda após o carnaval não teremos definições de como o país passará. De certo apenas que o primeiro trimestre estará "perdido". Quando retornarem cada um às suas atividades ditas normais, é que teremos uma ideia, ainda que vaga, do rumo... do que sucederá...

O discurso para as merdas administrativas desse DESgoverno incompetente, vazio de conteúdo e sem rumo, deve ficar na apresentação de aumento das taxas, de impostos, gerando mais crise, e pedindo/implorando para que os "idiotas" (nós) aceitemos pacífica e ordeira bancar o pagamento de seus desmandos. Virá o tal remédio amargo. Dirão ainda que será necessário para retomada do tal crescimento que se espera com desespero. Promessas quase proféticas que após esse maldito remédio amargo o país seguirá para anos paradisíacos. Claro que esse paraíso apontará para 2018.

Cenário avizinha nada menos que um inferno posto os diabos que comandam essa nação de cordeiros eleitorais. Talvez sofrer esses desmandos seja juridicamente e eleitoralmente corretos para a militância cega, burra, comprada e comprometida com o mal.

Quando esse discurso do tal remédio amargo aparecer em rede nacional, eu ensaiarei uma quadra da revolta (infantil):
Vá tomar no cW PT,
Vá tomar no cW PT,
Vá tomar no cW PT,
Eu não aguento mais você!

Se for assim, desejo a todos um feliz ano velho em 2016! O último, se houver, apague a lâmpada e feche a porta...

Eu, OZEAS CB RAMOS - sem paciência para essa desgr@ç@ de política!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

BRASIL, MEU BRASIL BRASILEIRO

‪#‎POLÍTICA‬ ‪#‎IMPEACHMENT‬

No final das contas, quem paga a conta é quem manda... Quem "libera" a verba dá as cartas!

Comprovado hoje com julgamento do STF, e com o retorno do líder do PMDB (pasmem) numa ação comandada pelo governo...

O Senado agora nas mãos de Renan, namorando se livrar numa tacada só do Cunha e Temer...

Ou seja... teremos que esperar que o mandatário no Senado tome a rebordosa dele, que virá, pelas denúncias que pesam, para que ele mude de vez as cartas e o jogo!!!

Uma turma que se ama e se odeia... mas que permanecem nos mesmos cargos e mordomias. Enquanto isso, o povo toma no mesmo lugar que vinha tomando...

Simples assim!

Como um pobre filme de terror bem Trash, aguardemos cenas dos próximos capítulos para saber quem vai comer mais carne viva!!!

Primeiro trimestre de 2016 já está perdido... politicamente falando!

Brasil... meu Brasil brasileiro...


OZEAS CB RAMOS
www.facebook.com/rascunho1966

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

PAÍS ASSENTADO NA PRÓPRIA MERDA


PAÍS ASSENTADO NA PRÓPRIA MERDA


Perdoem-me o tom. Nosso país está assentado sobre a própria merda!

Outro dia, só para citar, um grupo teatral protagonizou o que eles chamaram de uma peça teatral - Macaquinhos. Uma "performance" que precisou ser explicada, posto que à parte da nudez, nada mais havia de conteúdo. Sei lá... Arte? Arte moderna? Deixemos essa questão de lado.

O que me interessa foi o fato dos participantes brincarem cada um com o ânus do outro a sua frente. Bolinando o corrugado alheio!

O paralelo que faço, ficará evidente: Nossa política está mais para uma peça macaquinhos...

1. Cada poder, cada líder, cada partido fica inicialmente distante do outro. A aproximação só ocorre por interesse bastante particular. Um cargo, uma indicação, uma oferta de campanha. Interesse privado sim, público não!

2. De longe observam a merda no cW do outro. Ninguém mexe. Ao menos enquanto também não mexeram no seu. Cada um segue na sua. O medo da merda do outro respingar é grande.

3. Caso um inicie a prática de meter o dedo, todos seguem. Vira uma merda só... Acusa daqui. Acusa dali... Literalmente: merda jogando merda no ventilador. "Vossa Excelência se esquece que durante o governo tal"... E a porr@ vai para os ares. O diabo é que parece que eles acostumam com o fio terra. A brincadeira pega gosto - meter o dedo no cW alheio e ficar cheirando a merda do outro. Até porque eles também estão sendo cheirados. Merda para todos os lados.

4. Permanecem felizes todos eles (atores citados no item 1) pois, se estão com o cW ocupado, o dedo também, estão metendo e é no povo brasileiro que é onde a fila termina. O povo só entra na brincadeira deles para receber a dedada. O povo segue somente tomando no cW.

Enquanto não houver posicionamentos contrários a essa merda toda, um basta a tudo isso, uma paralisação total, nosso único papel nessa encenação teatral será esse: Sermos apenas coadjuvantes tomando no cW.


OZEAS CB RAMOS
www.rascunho1966.blogspot.com.br
www.facebook.com/rascunho1966


quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

BRASILEIRAS, BRASILEIROS



#‎POLÍTICA‬

É como um balé, uma dança bem ensaiada... Ameaçam, acusam, se defendem, parece que vão, não vão, questão de ordem, desordem, decidem, voltam atrás... E nesse jogo eles já empurraram para 2016 tudo que era importante para o país. Virá: recessos, pautas trancadas, novos discursos, novos recursos. O primeiro trimestre nada trará de novo, e todos manterão seus status enquanto o povo ó...


E a única coisa que faremos diante dos pronunciamentos de fim de ano, quando virão desejos de boas festas, será o famigerado panelaço...


Entre os poderes a brincadeira parece essa: Cantiga de roda.


"Três, três passará derradeiro ficará boi vaqueiro, boi vaqueiro da licença eu passar com meus filhos pequeninos para acabar de criar".




OZEAS CB RAMOS
www.rascunho1966.blogspot.com.br
www.facebook.com/rascunho1966

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

UM MONTE DE BOSTA COM UM BESTA NO MEIO


Esse país está se transformando na República Federativa da Zona Livre dos Chifres Arreados! Uma conjuração dos infernos alinhou em nosso tempo essas preciosidades únicas:
Renan - Cunha - Aécio - Dilma - Temer - Marina - Ciro.

Acompanhei Online a Câmara votando pela chapa que analisaria o impedimento da presidenta. Quebra urnas, baderna, ofensas...

Eu queria criticar o STF, o STE, mas olhando para essa gente, tem como um juiz ser sério? Um colegiado ser sério?

Um monte de bosta com um besta no meio: O povo!


OZEAS CB RAMOS


Sem ofensas, ARREAR:
V. Pôr arreios em...

sábado, 5 de dezembro de 2015

CRISE POLÍTICA - IMPEDIMENTO JÁ.


CRISE POLÍTICA

O presidente da Câmara está sofrendo risco de (até) ser cassado no Conselho de Ética porque mentiu em uma CPI e não por supostas irregularidades em conta na Suíça.
Pois bem.

Quando assunto é o impedimento da presidenta, que também mentiu em 2014 a toda a nação sobre a realidade do estado, em especial as contas, isso não é levado em consideração pela turminha do vermelhão... Quanta gente, se soubesse da verdade em que o país se encontrava aquela época, teria dado destino diferente a seu voto... (Sorte do Aécio que herdaria uma chapa quente para administrar).

Acrescente-se as (chamadas) pedaladas Fiscais. Cuja alegação da defesa é que todos cometem ou cometeram, a despeito da lei de responsabilidade fiscal.

Não cumprir a meta fiscal em 2015 e terminar o ano com um rombo astronômico nas contas públicas. Aqui a culpa é do mercado, e coisa e tal...

É por esses e outros motivos, maucaratismo e incompetência desse DESgoverno, que ao longo dos últimos meses comprovou a sua marca através de seus aliados membros do partido, os quais uma parte da liderança, ou estão presos ou respondendo a investigações e inquéritos de toda natureza.

Eu tenho pago essa conta. E eu não aguento mais...

IMPEDIMENTO SIM! URGENTE!
Nosso país precisa voltar ao rumo. E eu não suporto esperar 2018 para que isso aconteça.

IMPEACHMENT JÁ!
Golpe é manter essa turma (termo brando) na perpetuação do poder.


OZEAS CB RAMOS

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

ALIENAÇÃO


ALIENAÇÃO

Segundo Aurélio Eletrônico:
4. Falta de consciência dos problemas políticos e sociais.

Segundo DICIO online:
Desinteresse por questões políticas ou sociais: alienação política.

Lá no planeta Terra, agora, tem um país chamado Brasil que está em pavorosa. A democracia avacalhada pelos líderes de seus principais poderes e instituições democráticas, que são acusados e/ou respondem a investigação criminal por toda sorte de desmandos tais como: corrupção, formação de quadrilha, enriquecimento ilícito, quebra de decoros, improbidades, incompetências, etc, etc, etc.


Povo estranho! Eles agem como se não fosse com eles e/ou não lhes afetasse o que fazem seus líderes e governantes. Usam um recurso que chamam de rede social em que exibem as suas vidas felizes e prósperas.
Parece que o que é importante será fazer as compras de natal e sair de férias...
Vale lembrar que a maioria até acredita que vai para o céu! Talvez seja isso. Não careçam de tanta preocupação e engajamento em questões políticas.
Deve ser...

(Sem ofender. Apenas para pensar.
Quem se omite, referenda a bagaceira política atual).


OZEAS CB RAMOS
www.rascunho1966.blogspot.com.br
www.facebook.com/rascunho1966

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

É A HORA BRASIL


#POLÍTICA

"Deitado ETERnaMENTE em berço esplêndido"


Nosso país agoniza, como quem sente dores mais fortes que a dor de um parto com a criança atravessada, e está PARADO.

Temo que essa crise infernal dure até o ponto em que a paciência do povo brasileiro (de bem) se esgotar.

Justiça lenta, i no pe r a n t e... e comprometida com interesses diversos.

Congresso Nacional é a verdadeira farra do bumba meu boi.

DESgoverno sem nenhuma ação concreta. Entregue e vendido ao Congresso.

Oposição segue em brisa em tarde amena de outono. Até parece que eles não representam (pelo menos) a metade desse país.

Os caminhoneiros quase que sozinhos nessa luta ingrata. Povo com olhar voltado para o próprio umbigo nada faz, e quando faz, bate panelas.

Eles estão cozinhando a vida pública em fogo baixo, como quem cozinha galo velho, deixando as decisões que devem ser assumidas de imediato para 2016. Protelando geral.

Até lá essa porr@ só vai piorar. Desemprego, insegurança, saúde já era, e veremos a fome atingir uma parcela da sociedade que não vai aceitar com passividade.

Essa classe que desmerece os votos que receberam devem entender que já passou da hora de uma ação mais enérgica.

Chega de conversinhas, acordinhos e negociatas. O povo exige respeito e ações concretas.

Passou da hora dessa nação tomar rumo!


OZEAS CB RAMOS
www.rascunho1966.blogspot.com.br

www.facebook.com/rascunho1966

sábado, 7 de novembro de 2015

SOBRE A GRANDE INDÚSTRIA



SOBRE A GRANDE INDÚSTRIA


Quem esteve comigo enquanto dirijo sabe que sou defensivo, prudente e modéstia a parte, um bom motorista. Fui multado uma vez após defeito no velocímetro de meu bate-latas. Coisa que descobri após passar acima da velocidade numa via na Av. Suburbana. Isso para quase 30 anos de carteira de habilitação não é tão mal assim. Cometo infrações como avançar um sinal vermelho quando percebo outro veiculo vindo atrás sem condição de frear caso eu o tenha feito antes. Jamais pelo gosto de burlar a lei de trânsito. Tranquilamente eu daria uma nota 9,5 ao modo como dirijo.


Mesmo com tais considerações eu teço algumas opiniões sobre o ato de dirigir:

1. Passar anos sem infração deveria trazer benefícios educativos como incentivo e modelo a ser seguido. Redução em penalidade futura, desconto em serviços no Detran ou coisa que o valha. Pune pelo erro e favorece pelo cumprimento. Essa deveria ser a didática.

2. Tenho uma sensação que o estado fica à espreita tentando me induzir ao erro. Mudam velocidades das avenidas e estradas. Implantam radares ridículos, alteram placas, o que traz uma sensação de que estão à caça de meu suado dindim, na espreita de um erro qualquer.

3. Gostaria que a sociedade se manifestasse contra essa indústria que gera multas, em muitos casos "fabricadas" com mudanças sutis e ardis. Alguém consegue explicar qual a função de velocidade de 80Km/h na BR 324 após o ponto de ônibus da jaqueira sentido Feira-Salvador, quando a velocidade da pista poderia seguir normal para trânsito numa BR?
Não há travessia de pedestres. E alegar que a pista é perigosa... Que mudem o traçado!

Eis um exemplo dessa máquina de gerar receita.


Jornal da Metrópole.
Edição 356.

sábado, 24 de outubro de 2015

DELAÇÃO


POLÍTICA

Delação premiada é uma parte pequena, muito pequena, de um iceberg.

Não deveríamos ler tantas acusações que surgem diariamente sem poupar ninguém com vazamentos seletivos e em conta gotas em uma "imprensa" cada vez mais partidária.

A polícia federal deveria investigar tudo/todos. Sem excluir nenhum personagem citado pelos "nobres e dignos" delatores. Mas isso sem esses "exclusivismos" "jornalísticos" que sempre anunciam previamente o que está em seu processo inicial.

E já passou da hora de serem investigados de modo sério o ex-presidente eterno que quer voltar e seus familiares.

Assim acabaríamos de vez com essa farra - da corrupção se comprovadas as acusações ou com as acusações sem fim.

Ministros acusados e presos. Tesoureiros acusados e presos. Pessoas próximas acusadas e presas. E só a cereja do bolo não sabe de nada, não se beneficiou de nada, nada de nada? E isso em duas gestões distintas apresentando os mesmos mecanismos, procedimentos e táticas?

A porr@ do país precisa voltar ao prumo.

NÃO SUPORTO MAIS:
DILMA/TEMER, LULA/FALCÃO, CUNHA/RENAN, AECIO/FHC, MARINA/SILÊNCIO, STF/STE...
B CASSIDY/SUNDANCE KID, ELIOT NESS/AL CAPONE, ROMEU/JULIETA.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...