segunda-feira, 27 de maio de 2013

AMASTE A TI MESMA


Reconheces agora
A realidade de que (na verdade)
Nunca me amaste?
Amaste tuas projeções
Teu "eu" achado em mim
Teus anseios e desejos.
Olhavas teu por do sol no horizonte
E amaste o descer teu morro
O buscar teus sonhos...
Tudo instintivo e natural.
Mas era o teu amar por ti mesmo
Não por mim!

OZEAS RAMOS 



domingo, 26 de maio de 2013

ESTOU COM SAUDADES DE MIM

Estou com saudades
Morrendo de saudades
Estou com saudades de mim
Saudade de quando tinha sonhos
Velhos e novos sonhos
Mas eram meus sonhos.
Saudade de quando era livre
De quando não carregava fardos alheios
Cujo peso alijou-me da vida e de mim.
Tenho saudade até mesmo das velhas lágrimas
Lágrimas ainda da inocência e da esperança
Do primeiro amar, primeiro querer...
Saudade de quando pressentia tua chegada
Sentia você... tinha você...
Saudade do teu cheiro, de teu gosto.
Era tanta saudade de você
Que esqueci-me!
Agora tenho muita saudade
Muita mesmo!
Especialmente saudade de mim...


DIGA NÃO AO CIGARRO


31/maio
DIA MUNDIAL SEM TABACO.


quarta-feira, 22 de maio de 2013

QUERO IR DAQUI


  QUERO IR DAQUI

De Simões
Não sou Filho
Sou filha da outra
Sou cosmopolita metropolitano
Mas aqui não tem palmeiras
Nem coqueiros encontro eu cá.
As aves que aqui gorjeavam,
Como a sabiá, não cantam mais.
O papa-capim não voa
Agora passeia em gaiolas
de mão em mão.
Para todo canto
Só vemos asfalto, vias e viadutos
Por sorte, ainda temos o céu
E não sei até quando.
Logo taxarão ou colocarão placas.
Estão matando minha terra
Quero ir daqui
Quero estar pela água, à mercê da corrente
Mais perto do meu amor.

OZEAS CB RAMOS



segunda-feira, 20 de maio de 2013

VOCÊ DEVERIA ESTAR AQUI...


YOU SHOULD BE HERE

O amor é assim
Não precisa tradução
Nem há como explicá-lo
O amor é.
Quando o(a) amado(a)
Está longe...
Distante...
O amor ganha nome:
SAUDADE.
Ganha endereço:
CORAÇÃO.
Ganha peso:
A DOR.
Ganha forma:
UMA LÁGRIMA...

OZEAS RAMOS







ESSE AMOR SEM FIM...


ESSE AMOR SEM FIM...
Levantei-me.
Agora eu preciso ir.
Quero seguir.
Ler outras estórias
Viver mais histórias
Quem sabe, na estrada,
Eu esqueço um pouco de você?
Como te quero bem!
Como te quero!
Bem!
Quanto mais longe eu chego
Mas perto me encontro de ti
Se eu fujo, é de mim.
Nessa minha longa via crucis
Não mais carrego cruzes
Não levo bolsa nem alforje
Nada tenho.
Nem você comigo.
Meu único bem
É ter você, amor em mim.
Esse amor sem fim...

OZEAS RAMOS
 

domingo, 19 de maio de 2013

ERNESTO CARDENAL


Ao perder-te eu a ti
tu e eu teremos perdido.
Eu, porque tu eras o que eu mais amava;
tu, porque era eu que te amava mais.
Mas, de nós dois tu perdes mais do que eu.
Porque eu poderei amar a outras como amava a ti,
Mas outros não te amarão mais do que eu te amava!

Ernesto Cardenal



LÁGRIMA CONTIDA


LÁGRIMA CONTIDA

Quando ternos olhos
Derramam lágrima contida
Coração em desalento
Revela a alma ressentida.

OZEAS RAMOS


PRECONCEITO


Ozeas Ramos

sábado, 18 de maio de 2013

SAUDADE



AGUARDANÇA


AGUARDAA

Quero
Não querer-te...
Mas te espero
Todo dia
Para ouvir-te
Ver-te.
Tocar-te.
Estar em você!
Conversar por horas,
Varar a madrugada.
Assim te aguardo
Diariamente
Com esperança...
Nem que seja
Para ver o arco-íris
Ou o dia nublado...
Noite fria
Noite quente...
Madrugada é dia!
Quero
Não querer-te...
Mas te espero.
Como é estranha
Essa louca sensação
De “aguardança”
Eu te quero.
Quero não querer-te.
Bem me quer?
Mal me quer!
...

OZEAS RAMOS






quarta-feira, 15 de maio de 2013

PARA PENSAR


Imagem da Net

CORPO EM CORPO




CORPO EM CORPO
Em um canto qualquer
Em qualquer lugar
Em sua companhia
Sossego e quietude
Traduzidos como paz
Carinhos, carícias
Levando-nos ao amor
Corpo em corpo
Gozo e explendor
Amar e amar com amor

OZEAS RAMOS

RAPHAEL BACELLA

Fotografa: Nane
Talvez tenha sido por um olhar,
Talvez tenha sido por um sorriso,
Talvez tenha sido por aquelas palavras ou talvez aquele instante contigo,
Talvez um dia estaremos juntos talvez tudo estara esquecido,
Talvez possa existir outros momentos ai quem sabe,
Nem tudo estará perdido.
Te amo nao somente pelo que és , mais sim pelo que sou quando estou contigo,
Um dia te amei para esquecer alguém, hoje para te esquecer nao consigo amar ninguém.
Não posso simplesmente fechar os olhos e fingir que tudo está bem.
Tenho que parar de fugir da realidade,
Estou te amando cada vez mais,
Mas infelizmente você parece não compreender.”

Raphael Bacella

EXPECTATIVAS DO CORAÇÃO - NANE CYPRIANO


domingo, 12 de maio de 2013

MEU CORAÇÃO É TODO SEU


 

Queria estar perto
Aconchegado em ti
Sentindo você
Mesmo que em silêncio.
Saudade
Bandida
Saudade
Infeliz
Só você sabe
Que esse meu coração
É todo seu!
 
OZEAS RAMOS

 

AMORES


 

Amei amores mil
Amei amores amiúde
Meu coração leviano
Por poucas foi amado
Seu coração
Nunca foi meu
O meu
É só teu!
 
OZEAS RAMOS

AI QUE SAUDADE DE OCÊ

Ai Que Saudade de Ocê

Não se admire se um dia
 Um beija-flor invadir
 A porta da tua casa
 Te der um beijo e partir
 Fui eu que mandei o beijo
 Que é pra matar meu desejo
 Faz tempo que eu não te vejo
 Ai que saudade de ocê
 



Se um dia ocê se lembrar
 Escreva uma carta pra mim
 Bote logo no correio
 Com frases dizendo assim:
 "faz tempo que eu não te vejo
 Quero matar meu desejo
 Te mando um monte de beijo
 Ai que saudade sem fim"

E se quiser recordar
 Aquele nosso namoro
 Quando eu ia viajar
 Você caia no choro
 Vou chorando pela estrada
 Mas, o que eu posso fazer ?
 Trabalhar é minha sina
 Eu gosto mesmo é de ocê.

sábado, 11 de maio de 2013

FORTUITO

 
 
Fortuito
Insisto em esquecer-te
Conquanto
Querer-te
Amar-te
Todo dia!
 
OZEAS RAMOS

sexta-feira, 10 de maio de 2013

EU QUERO HOJE

Cheirar-te a rosa candida
Fragrância do teu desejo
Que inflama meus sentidos.

Acarinhar-me em teus seios
Tocá-los com meu corpo
Deliciar-me de ti.

Beijar-te os lábios todos
E sem pressa consentida
Provar teu doce mel.

Gozar com teu gozo
Teu arrepio, teu grito
Em teu ritmo respirar.

Proteger-te em meus braços
Numa noite de amor,
Eterna enquanto nossa.

Que adormeças em meu peito
Enquanto entre carícias
O sono nos roube um do outro.

OZEAS RAMOS


APENAS A LEMBRANÇA

APENAS A LEMBRANÇA
 


Abraçado que fui por Hipnos
Recolhi-me no caminho dos sonhos
Atraído por Morfeu que sem recusa
Permitiu que a graciosa melodia de tua voz
Estivesse a acarinhar tolos pensamentos.
Ainda ressoava tuas risadas e loucuras
Quando mergulhei definitivo.
O corpo ressuscitava vagarosamente
E o primeiro pensamento surgia
Com o fulgor de tua forte presença
Impregnado por teu perfume doce
Que exalava e tomava-me inteiro.
Tu és radioativa moça linda
Uma vez que fui exposto a teu elemento
Nunca mais serei o mesmo.
As nuvens ainda escondem o sol
Que brilhará para dar-me um novo dia.
De ontem, apenas a lembrança!
 

OZEAS RAMOS
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...