sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

AO CAIR DA TARDE



  
AO CAIR DA TARDE
 
Sinto tua ausência ao cair da tarde
Sentada a esperar
Por um drink. Uma Ice.
Ou pelo café de qualquer coisa
Com qualquer coisa
Apenas para ter motivos
Para jogar conversa fora
Divagar seriamente
Proferindo axiomas sobre nada
Ou sobre quase tudo.
Ouvir que estava progredindo
Mas ainda não era um Bê...
Reclamar e rir.
Descobrir novas manchas (maquiagem) na toalha
Carinhosamente disposta sobre a cama.
Estava ali para receber tua marca
Teu corpo, teu cheiro.
E após o banho
Ter seu beijo!
 
OZEAS RAMOS


Nenhum comentário:

Postar um comentário


SUA OPINIÃO É MUITO IMPORTANTE.
COMENTE - DEIXE SUA CRÍTICA, ELOGIO OU SUGESTÃO.
Aproveite e veja também outras postagens desse BLOG.
Obrigado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...